Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Escrevo, logo existo

Escrevo, logo existo

livrosbolso-billboard
26
Abr20

O 25 de abril arruma a casa

Escrevo, logo existo

Neste 25 de abril parece que alguns levaram com um balde de água fria pelos cornos. Os ditos "novos" partidos salazarentos com cheiro a mofo, levaram nos cornos de todos os democratas presentes na cerimónia. A comunicação social também teve de enfiar o barrete porque também andou durante muito tempo a alimentá-los, nomeadamente a Iniciativa Liberal, o Chega e não esquecer o CDS-PP que apesar de ser antigo apresentam-no sempre como uma coisa nova. 

Eles levaram nos cornos e não foi só do PCP mas de muitos outros, pois o 25 de abril, obriga a muitos a assentarem os pés no chão, caso contrário, o povo mais à frente pode penaliza-los e o Presidente da República oportunisticamente apercebeu-se disso e foi obrigado pela força das circunstâncias a tomar uma atitude.

O Cotrim, o (A)ventura e os deputados do CDS-PP se tivessem um buraco escondiam-se lá dentro. O populismo em Portugal não tem futuro porque o nosso povo tem bem presente e bem enraizado, na sua cultura e sentimento, os valores e a importância do 25 de abril e sempre que estes cágados levantam a cabeça, é determinante que todas as forças democratas se unam para lhes fazer baixar a garimpa. 

No que toca ao ataque aos fascistas e populistas é preciso ter cuidado, nesta guerra saber quando ignora-los também é determinante, pois não lhes podemos dar hipótese para brilharem e por vezes mais vale deixa-los a falar sozinhos e é também isso que alguns democratas necessitam de perceber. 

Continuemos e temos de perceber que as melhores armas são as políticas concretas de melhoria de condições de vida das populações que os deixa sem escapatória nenhuma e sem espaço político para aproveitarem.

 

10
Abr20

Diário de um covidista

Escrevo, logo existo

A minha mulher lembrou-me que não vou à rua há duas semanas. Rua? O que é isso?

Vocês também são daqueles que vestem roupa como se fossem para a rua, quando na verdade vão ficar alapados ao sofá o dia inteiro? Digo-vos um segredo, assim bem baixinho para não ferir a vista: Isso é estúpido! Daqui a nada vão para o trabalho de pijama. Ah esqueçam já existem “pessoas” a fazer isso.

A CP suprimiu os comboios da linha de Sintra e os comboios ficaram cheios, a boa notícia é que se fizerem isto muitas vezes eles vão começar a estar vazios. É a teoria do Malthus que vive na cabeça destes senhores.

O António Costa garante que não vem nenhuma Troika. Na verdade, o que ele queria dizer era “Não vem a troika, mas os cortes vêm de certeza”, também já tínhamos saudades que isto andasse para trás(fdss).

E o cheiro dos pés? Não fazia ideia que os chinelos pudessem cheirar tão mal devido a uso constante, o Ministério do Sono devia distribuir chinelos à prova de corona.

Tenho feito esforços para escrever todos os dias como acto de solidariedade, mentira é apenas pelo simples facto de gostar de escrever.

Também gosto de comer a mãe dos fachos e direitolas porque são umas grandas . . .

Este ano não há desfile do 25 de abril, os direitolas esfregam as mãos, não deixem de o comemorar em vossas casas, que normalmente esses maus hábitos pagam-se com juros.

Boris foi internado e Inglaterra começa a imprimir dinheiro . . . Pensavam que ia tecer alguma ligação sobre isso? Tenho mais que fazer! Bem vou ali banhar-me numa fossa de esgoto e dançar samba, não vá esta merda pegar-me.

Plano Nacional Leitura-mrec

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D